sexta-feira, 22 de fevereiro de 2008

E a polêmica continua...

Não é fácil. A discussão em torno da divisão das contas é papo para muitos posts.

Na carona do último, resolvemos colocar uma história que muito nos abala. Exato! Algumas mocinhas perdem a linha, se a questão for pagar o motel.

Não chega a ser na maioria dos casos, mas algumas mocinhas, por vezes, se oferecem para dividir a conta do “centro de lazer” (Achamos ótimo!!!).

É lógico que tem umas abusadas, que além de passar 12 horas na suíte com hidro, ainda comem lasanha e bebem vinho sem coçar o bolso.

O que queremos mostrar nesse post é o pensamento, frase, comportamento que certa moçoila teve dia desses.

Quando o papo sobre a “conta do motel” esquentou, a fulana disparou sem titubear:

- “Pô, o cara já vai me comer e eu ainda tenho que rachar a conta?”

***
Ô, indagação infeliz...

Será esse o preço?!

É né... porque foi essa a impressão que ficou. O cara entra com a grana e ela compensa com os “serviços”.

Preferimos acreditar que essa foi mais uma declaração impensada do sexo oposto. Mas por via das dúvidas, vamos à enquete (eu disse enquete...):

Por que elas não admitem rachar a conta do motel?

(a) Porque, na cabeça de algumas, é a troca perfeita: o cara paga a conta e a mulher paga... (vcs sabem!).
(b) Porque fica a sensação de que elas estão “bancando” o homem.
(c) Porque elas não aprenderam essa lição ainda.
(d) Porque não têm dinheiro mesmo.
(e) Já que foi o homem que convidou, ele que pague.
(f) Qualquer outra desculpa esfarrapada.

12 comentários:

Souza é Jovem-fla disse...

(d) Porque não têm dinheiro mesmo.


São todas umas fudidas, sem grana, que dão aleluia quando o homem sugere o motel. Por isso que eu só mato as vítimas no carro! hahaha

abs

Anônimo disse...

/\
|| tinha que ser flamenguista
|| hauhauhuahauhauhauhauhauha
||


(b) Porque fica a sensação de que elas estão “bancando” o homem.

Sociedade machista é isso aí!

Anônimo disse...

Meu deus, o nível está baixo, baixíssimo...
O caso é simples, ele convidou, ele paga, se a idéia partir dela eles racham.

Anônimo disse...

Primeiro: uns babacas desses aqui de cima tem mais que pagar a conta toda! Aliás tem mais é que não comer ninguém!!!
Comigo depende da atuação do artilheiro: mandou bem (isso não significa dar 20 sem cansar meninos, significa ficar atento também à satisfação da menina, deixá-la a vontade, ser carinhoso enfim...) aí eu pago metade feliz!
Mas se o cara mandou mal, não fez bem feito, aí colega... que pague inteira e ainda me de a balinha da portaria!

Estava Perdida no Mar disse...

Depende...depende.
Putz, eu sou praticamente a única que se identifica neste blog. Oh, gente envergonhada

Anônimo disse...

Pela primeira vez em um post nesse site eu me identifico como a possível "culpada".
Nem vem meninos, motel é com vocês!!! Só o que faltava...

Estava Perdida no Mar disse...

Quero nomes...quero links...
Anônimo é o cacete.

Anônimo disse...

Perdida no Mar, vou te falar uma parada: vc é séria candidata a cair na mão de algum malandro inocente por essa vida afora...rsrsrs

O fato é o seguinte: vai q vc tá morrendo de vontade, e ele tb, ok? E aí? Ele tá duraço (em todos os sentidos), e vc tem a grana, o que acontece??????

Vai esperar o artilheiro sair da lama p poder curtir uma goleada no maraca?

Se eu ver q ela n tem, faço questão de pagar, mas se saco logo q n é fudida, vai ter q morrer num "Galinho" jto comigo!!!! ehehehe

Sds

CP

Senhoritas XXX disse...

(e)
Se eu convido, eu pago. Já que ele me convidou porque não pode pagar?
É uma questão de delicadeza.

Anônimo disse...

Ah Senhoritas, aí é mole!!! O cara sempre convida antes da mulher...rs

CP

Senhoritas XXX disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Anônimo disse...

Já que foi o homem que convidou, ele que pague.

Comigo é assim, se quer tem que fazer por onde.

Homem duro, kkk, tô fora.