sábado, 7 de junho de 2008

É hoje o dia....

Distintos leitores, hoje irei lhes contar a história de Cucuco (como assim é chamado por Cucuca, sua noiva, pelo menos até o momento em que escrevo esse post).

Apesar de ter nascido no movimentado bairro de Ramos, foi na tranqüila (nem sempre) Ilha do Governador que desenvolveu suas habilidades de matador da noite carioca.

Os amigos de infância - Cabeça, Stanley, Raquete etc - garantem que Cucuco abalava as estruturas da iluminada La Playa (quem nunca foi??).

O caso, meus queridos, é que depois de pouco mais de 30 anos de torneios, competições e edições da Copa do Mundo flerte, nosso amigo está pendurando as chuteiras. Por volta das 17h30 desse sábado de sol, ele levará Cucuca ao altar. Emocionados, alguns de nossos artilheiros estarão por lá, acompanhando os últimos momentos da carreira desse experiente atleta (Sim, artilheiros são fiéis. Uma vez no altar, dão adeus até aos amistosos).

A história dos Cucucos começou há mais de quatro anos, foram colegas de trabalho. No dia do primeiro beijo, que aconteceu semanas após o início do flerte, nosso craque da Ilha foi ousado. Segundo Cucuca, depois de uns 20 minutos de beijos e braços, ele chamou-a pra dentro do carro. Num impulso incomensurável, foi logo abrindo a calça.

Cucuca não acreditou na cena. Exigiu que ele se recompusesse e saiu do carro. A própria conta que ficou assustada com o drible e por causa disso, embora já encantada com o molejo do centroavante, fez uma promessa:

- "Não vou pra cama com ele tão cedo".

E ela cumpriu. Nosso amigo só balançou as redes meses e meses depois, quando os rumores de namoro já ecoavam pelas arquibancadas dessa vida.

Bem, amigos, os torneios da azaração se despedem de um craque. E a culpa.... a culpa é da Cucuca... toda dela... só dela!

***
E para encerrar esse post, lembro-vos do grande samba que a União da Ilha, escola da terra do nosso "ex-atacante", levou à avenida no carnaval de 1982: "É hoje o dia da alegria, e a tristeza nem pode pensar em chegar..."

Valeu, Cucucos... Felicidades!

Nenhum comentário: