sexta-feira, 17 de outubro de 2008

Ela queria um "príncipe"

Certa vez uma "ex" de um de nossos artilheiros disparou contra ele. Moça estava irritada, mas sabe-se lá porque resolveu atacar o nosso querido A Culpa É Delas. A papo rolou meses após o término. No início, a conversa foi bastante amistosa. Mas no desenrolar, ela quis saber o que nosso craque pensava dela, e ele respondeu com toda a sinceridade do mundo. A mocinha não gostou. Depois de falar, falar e falar que a análise era injusta, ela mirou no blog:

- E esse blog que você escreve? Tenho certeza que vocês saem na rua já procurando essas histórias. Torcem pela desgraça delas...

Beleza. Antes que a moça mostrasse mais graus de loucura, nosso nobre atacante encerrou o papo e virou a página da história.

Contudo, ele ficou pensando no que a danada havia dito. "Sei lá. Mas de fato não saio pensando em arrumar histórias, não fico torcendo pelos deslizes".

Meses e meses depois, dois de nossos atacantes estavam em uma rodinha de samba. Bem próximo havia um grupinho de três belas mocinhas e nossos amigos puxaram assunto.

Elas até que gostaram, mas se mantiverem um pouco desconfiadas. Davam corda, mas nem tanto. Por vezes, olhavam pro além como se não prestassem atenção na conversa. Enfim, faziam todo aquele joguinho tradicional.

Lá pelas tantas, uma das sapecas solta:

- Mas você é um príncipe?!, perguntou a moça.
- Príncipe? Como assim?
- Daqueles que abrem a porta para a mocinha...

Meio que sem jeito, nosso artilheiro completou:
- Abrir eu até abro, mas tem um problema. Eu não tenho carro.
- Ué, como não?

Nesse momento, os atacantes se entreolharam e seguraram o riso. Eles estavam prevendo um deslize (Mas não torciam por isso! Ou seja, a "ex" não tinha razão, apenas culpa!).

- Para ser príncipe tem que ter carro? , quis saber um dos craques.
- Claro. Príncipe tem que ter carro e tem que dirigir...

***
Caraaaaaaaaammmmmmmmmmmmmmba!

Antes de deixarem o grupinho de lado, um dos artilheiros decretou:

- Essa vai pro blog!

E vocês, queridas leitores, acham que "príncipe" tem que ter carro?

(a) Claro
(b) Ninguém merece andar de ônibus.
(c) Se tiver um táxi já ajuda
(d) Prefiro não responder

8 comentários:

.freyja. disse...

nao nao... tbm seria pessimo se ele morasse onde judas perdeu as meias...
mas q carro ajuda... ajuda, nao por interesse, mas mulheres naturalmente gostam de conforto, o q pra mim é normal. agora interesse somente no carro... mulheres que gostam do chamado "ouro de tolo"... ou tola...

Dani Cristina disse...

Lógico que não! Príncipe de verdade tem que ter cavalo!!! rs
Brincadeirinha!
Óbvio que não precisa. Dependendo do horário e do local, dá pra sair de bus tranqüilo, fora isso, dá pra pegar um táxi né!
Quem faz questão de carro tem que ter o seu próprio e não contar com o do outro...

Mariana disse...

depende da idade do príncipe. se já chegou aos 30 e ainda não tem carro, francamente, já tá passando da hora de deslanchar na vida.

Kika® disse...

Não. Mesmo porque eu tenho e prefiro dirigir...rs ;)

Guilherme Botelho disse...

Como assim, passou dos 30 e não tem carro já passou da fase?

Anônimo disse...

Carro ajuda, né... mas não é essencial.

Anônimo disse...

Homem não precisa de carro nem dinheiro, precisa fuder gostoso e de um jeito maneiro. FLOW!

perdi100gramas disse...

Eu acho hipocrisia dizer que não...
qualquer meio de transporte próprio é fundamental, ainda mais numa cidade grande.

E depende também da idade, como alguém já disse, chegou nos 30 e não tem uma biz pra andar??!! É sintomático.

Se for um pirralho ainda rola dividir o taxi....rs