sexta-feira, 10 de setembro de 2010

O craque da rodada

O conceito de Camisa 10 é para ser debatido (e divulgado) muitas vezes. Camisa 10 pode ser homem, pode ser mulher, não importa. Sua função principal é servir o artilheiro, dar aquele passe na medida para o craque balançar as redes. Mas independente de qualquer coisa, confiança é tudo. Vocês vão enteder...

Numa das viagens que fez por esse Brasilzão de Deus, um dos nossos craques contou com um passe daqueles. Durante o final de semana, o jogador já tinha movimentado e muito o placar. Era um encontro de estudantes e tinha moça de tudo que era lugar dessa terra fértil.

O melhor ficou para o final. Na volta para o Rio, nosso matador voltou de ônibus com mais 30 ou 40 estudantes. Foi uma efervecência só. Na rodinha dos craques da Copa do Mundo do flerte, a "ruivinha" era a mais gata da expedição. Durante o final de semana, muitos tentaram, mas ninguém invadiu aquela pequena área. E isso intrigava a todos...

Mas viagem de volta à cidade maravilhosa era longa, coisa de 23 horas, muita coisa ainda podia acontecer. Até a primeira parada, todos estavam em clima de festa. Quando o busão parou, uma amiga do artilheiro, Camisa 10 daquelas, trouxe a informação abençoada:

- A ruivinha veio perguntar se você está solteiro?
- Sério? Claro que estou...
- Acho que ela ficou interessada. Mas não diz que comentei nada com você.

Pronto. Era a senha para mais uma partidinha.

Quando todos voltaram ao ônibus, o atacante tratou de puxar assunto com a danada. Falou um pouco e ficou horas ouvindo. Lá pelas tantas, quando o parte do ônibus já dormia, ele partiu pra cima:

- "Você linda...", disparou.

A moça ficou sem graça, evitou o atacante. Acostumado com o "doce" feminino, ele continuou no ataque.

Não foi fácil. A retranca da ruivinha era de colocar inveja em time regido por Joel Santana. Mas nosso amigo enfim deu o drible fatal...

Horas depois, na segunda ou terceira parada, a tal Camisa 10 chegou perto do craque com um sorrisão.

- Caramba, você pegou a ruivinha?
- Po, ela fez mó jogo duro...

A Camisa 10, então, caiu na gargalhada, para surpresa de nosso atacante.

- Artilheiro, eu juro, ela não me disse nada. Eu inventei aquela história de que ela tinha perguntado por você...

***
O craque voltou daquela viagem ovacionado pelos amigos. Afinal de contas, foi ele quem beijou a mais gata da expedição. E tudo por culpa dela!

São por essas e por outras, que a cúpula do ACED recomenda: aconteça o que acontecer, o importante é ter confiança!

4 comentários:

Anônimo disse...

ahhahahha... boa.. não sei pq as mulheres fazem tanto doce se o objetivo é sempre o mesmo.. ou elas vão ficar solteiras pro resto da vida? hehe

abs primo!

Anônimo disse...

Exato! Elas adoram um doce. É pra valorizar o passe delas!! abs

Anônimo disse...

pior q eu estive nesse encontro também. Você percebe como o Brasil é lindo pela diversidade da beleza das mulheres.
O Acre então: torna o Romance IRACEMA (José de Alencar) Real!!!

Gabrielle disse...

rsrss confiança é tudo...principalmente em si mesmo... mulher entende mulher e sempre sabe o que falta nos homens e o que as mulheres fazem de conta q têm demais...
Anônimo de cima, vc ainda não viu Manaus meu bem, índios nem sempre são bonitos, mas qndo vc encontra um, é de ganhar o garota fantástica rsrss